terça-feira, 16 de novembro de 2010

Similaridades.

Homens e mulheres são mais parecidos do que podem imaginar. Nós homens muitas vezes somos surpreendidos quando sabemos de uma mulher que ela tem desejos, tem vontades.

Conversamos entre nós com naturalidade, mas infelizmente por conta do mundo machista que vivemos, as mulheres acabam tendo uma postura mais "casta", mas no "mundo delas, as atitudes e comentários são parecidos com os dos homens.

E a pergunta que faço é "o que está errado nisso?"

Alguns homens ainda se assustam com mulheres que também pensam em curtir, em ter uma relação casual, sem compromisso. Isso é algo que sempre foi "valorizado", com um homem que pode sair com várias mulheres, mas o contrário deprecia demais a mulher, que é rotulada da pior forma possível.

A beleza humana faz parte do dia a dia. Homens e mulheres tem seus ideiais, tem o tipo de corpo que lhe chama atenção no sexo oposto, sendo que normalmente para o homem a parte fisica conta muito, mas para a mulher acaba sendo algo mais para os olhos do que para uma relação.

Claro que em uma relação casual, algo sem compromisso, a beleza fisica acaba ganhando prioridade, até porque dificilmente existe espaço para o conhecimento mutuo.

Não existe certo ou errado. Existe respeito e sinceridade. Mas para mim ainda prefiro uma relação, nem que seja casual mas que tenha um envolvimento, uma sintonia entre o casal.

E nessa parte vejo o quanto os homens ainda precisam aprender, principalmente para que possam ter uma auto-estima melhor. Apesar dos ideais fisicos, as mulheres se envolvem com um homem por um conjunto de fatores. E olhando para trás percebo que já tive muito disso da minha vida. Já me relacionei com mulheres que não eram padrões de beleza ou que não se enquadravam no que considero "ideal" numa mulher "fisicamente falando", mas que tinham muito a oferecer, um charme próprio, um jeito individual e especial.

Mas também já sai com mulheres que achava que nem em sonho poderiam aparecer na minha vida.

E aí entra o ponto da auto-estima. Já passei por várias situações onde me achava o "patinho feio", inclusive querendo mudar muitos aspectos físicos do meu corpo. Não existe nada de errado em querer mudar a forma como somos, principalmente no que diz respeito ao nosso corpo, até por questões de saúde.

Desde que estas mudanças sirvam para melhorar nossa auto-estima. Não algo para provar as outras pessoas. Até porque num mundo onde a "beleza ideal" cada vez mais pode ser fabricada, o que somos por dentro é o que aproxima ou afasta as pessoas. A beleza exterior mexe com apenas um sentido. A forma como somos trabalha todos os sentidos.

Homens, não esqueçam que as mulheres são seres humanos como nós, com os mesmos medos e vontades.

Mulheres, percebam que aos poucos os homens estão trabalhando esta parte emocional e permitam o beneficio da dúvida. Não generalizem achando que todos querem a mesma coisas.

Ambos podem se surpreender.

Nenhum comentário:

Postagens populares