segunda-feira, 4 de abril de 2011

É possível ser feliz sozinho?


Em um mundo onde as pessoas cada vez mais se preocupam apenas consigo essa é uma pergunta delicada.

Não estou aqui falando sobre uma vida de solidão plena, uma pessoa fechada numa caverna, longe de tudo e de todos.

Estou me referindo à solidão de não ter alguém. Ou mesmo da solidão de estar com alguém apenas não sentir-se só.

Algumas vezes aceitamos pessoas por perto apenas para não sentirmos isolados, sozinhos, mesmo sabendo que esta ou estas pessoas não nos fazem bem. Aceitamos defeitos, desvios, posturas com as quais não concordamos, apenas para ter alguém por perto. Família, amigos, namorada, esposa e afins. As pessoas podem variar, mas as intenções não.

E acabamos nos contentando com uma sensação simples. O fato apenas de ter uma companhia, longe de ser uma sensação de paz, de alegria, de felicidade. Algo que faz com que sejamos parte de uma mentira, que estejamos enganando a nós mesmos.

Só que como tantos fazem isso é difícil ser contra a maré. Infelizmente a sociedade de uma forma geral é extremamente nociva e complicada para quem se mantém fiel a seus ideais, a quem tenta seguir sempre sua linha de caráter.

A pessoa pode ser tachada como anti-social, chata, entre tantos outros adjetivos pejorativos. A força desta pessoa para se manter fiel ao que acredita é combustível para todo tipo de comentário, principalmente daqueles que não tem coração ou garra para fazer o mesmo.

Desde o momento do nosso nascimento o ser humano depende de alguém. Desde a saída do ventre materno até a presença da equipe médica que nos auxilia nos primeiros dias de vida nossa vida. E isso se perpetua pelo resto da vida.

Mas podemos ter uma postura diferente. Podemos agir de outra forma.

Voltando a pergunta inicial. Não, não acredito que seja possível ter uma felicidade completa sendo só.

Mas sim, é possível viver em paz, sabendo que tomou as decisões corretas ou pelo menos que seguiu seu coração, suas convicções.

E com isso só estar ao lado de pessoas que te façam bem, que acrescentem algo de bom, e que te façam feliz.

Fácil isso? Muito pelo contrário. Difícil demais. Ninguém vem com crachá.
Como saber se a pessoa é ou não certa?

Apenas uma frase para responder esta pergunta

“Para tomar as atitudes corretas, primeiro devemos saber identificar e corrigir o que estamos fazendo de errado”.....

Nenhum comentário:

Postagens populares