terça-feira, 13 de julho de 2010

Intenso

Um dia cansativo de trabalho e para ajudar chego em casa sem nenhuma luz elétrica. Totalmente as escuras e cansado, não penso em mais nada.

Apenas um banho para relaxar e me deito, aproveitando que estou só em casa, ou pelo menos, é o que eu acredito.

Um beijo forte em meus lábios, com direito a uma leve mordida. Abro os olhos, mas apenas um vulto feminino aparece. A noite chuvosa e densa não ajudam em nada. Tento perguntar quem é você, mas outro beijo silencia minha boca.

Tento levantar da cama, tento tocar em você. Mas as surpresas não terminam. Estou preso na cama. Não sei o que me prende. Algemas, cordas. Os sentidos ainda não estão claros.

Mordidas no pescoço. Toque de lingua pelo meu peito. Tento me acostumar a falta de luz e tentar te identificar. Mas nada, você não emite nenhum som que me permita saber quem é você.

Apenas um sorriso que consigo distinguir. Um sorriso de quem está no controle da situação. Me tortura aos poucos. Meu corpo reage a suas caricias, ao seu toque.

Deita por cima de mim e me puxa pelo pescoço, me fazendo te beijar, roubando, ou melhor dizendo, arrancando um beijo da minha boca. Beijo esse que não parece ter fim.

Sinto teu corpo colado ao meu. E consigo sentir que está nua. Consigo sentir o leve toque dos seios junto ao meu peito. Os bicos com desejo, a respiração ofegante, me devorando, me desejando, me tarando. E eu, sem poder fazer nada a respeito. Do nada, se afasta..e some do meu alcance....me deixando ali..preso..sem poder reagir..sem poder fazer nada a respeito

Ali, ao seu alcance, para usr da forma que puder, da forma quem quiser...e nem ao menos consegui identificar quem é você......

Depois de um tempo longe, me deixando com o corpo tenso você volta. Uma garrafa de vinho e pedras de gelo que prontamente você começa a brincar no meu corpo. Passeia com o gelo pelo meu peito, em volta do pescoço, me fazendo arrepiar, me deixando tenso, com vontade....

Abre a garrafa de vinho e toma um gole e vem me beijar, me fazendo provar o doce sabor do beijo com o gosto do vinho misturado. O beijo me tira do sério, mas me prendeu de uma forma que não posso me soltar.

Sussura no meu ouvido..."isso é só uma prévia"......e se vai......me deixando ali....ainda te esperando.....

Nenhum comentário:

Postagens populares