sexta-feira, 6 de junho de 2014

Dia simples que se torna perfeito

Manhã que começa fria, daquelas que você só tem vontade de se enrolar em camadas e camadas de cobertores.

Um domingo que parece que não vai dar em nada, com as horas demorando a passar.

A campainha toca e me levanto. Vejo que você está na porta. Uma visita inesperada.

Convido você a entrar, pedindo para não reparar na bagunça do meu quarto, afinal estava sozinho, pensando num domingo de "ócio".

Você tira a blusa e mostra uma roupa bem a vontade. Com uma roupa ideal para um domingo sem grandes expectativas.

Vou a cozinha para fazer dois chocolates quentes e quando volto você já está embaixo das cobertas, com o controle do DVD e uma lista de filmes separados, só me esperando.

Deito ao teu lado, você se encaixando no meu peito. TV com som alto, filmes para passar o dia assistindo.

Celular? Liberado apenas para pedir algo para comer.

Sair de perto um do outro? Autorização para poucos minutos do dia (e olha lá).

Do resto, só passar o dia, sem pensar em nada, sem planejar nada. Só curtindo bons filmes e uma ótima companhia.

Nenhum comentário:

Postagens populares