sexta-feira, 7 de março de 2014

Não dê tanta importância ao que deu errado

É natural se lamentar por algo que não deu certo. Expectativas, planos e no final ver que não saiu como esperado.

Frustração, tristeza, sentimentos diversos.

Falhas e erros fazem parte da vida. Se não acontecessem não saberíamos dar valor aos nossos sucessos, aos nossos momentos bons.

Existem situações onde devemos refletir, rever o que fizemos e procurar os erros para melhorar na próxima tentativa.

Mas e se os erros não são nossos? Se outra pessoa errou ou se algo depende de uma segunda pessoa?

Podemos ter passado por uma situação onde nos venha a pergunta "onde foi que errei?" e não achar a resposta.

Parou para pensar que pode não ter esta resposta porque não existe o erro?

Existem situações que não nos dão o resultado esperado. Sem culpados, sem erros. O que fazer?

Permita-se sofrer, chorar, se lamentar. Mas sem que isso ganhe contornos maiores, sem que isso tome conta dos seus pensamentos.

Supere uma situação onde não existe muito o que fazer. Sem gerar mágoas, rancor ou revolta.

Erguer a cabeça e continuar. Porque ao pensar desta forma vai estar em paz. E descobrir que neste caso provavelmente fez o seu melhor, fez o que podia e o que devia. E simplesmente não deu certo. Ponto.

Sem "mas", sem "porquês." Apenas porque não era para ser.

Nenhum comentário:

Postagens populares