domingo, 24 de maio de 2015

Te desafio

Proponho um desafio a você. Me acompanhe a um lugar isolado. Só eu e você. Vamos dançar. O ritmo, você escolhe. Apenas peço que deixe a música tomar conta de você. Não precisamos nos preocupar com pessoas nos olhando, nos julgando, nos analisando. Somos apenas eu, você e a música. Feche os olhos e sinta a música em sua totalidade. Sinta meu corpo próximo ao teu. meu perfume, meu toque. A condução, leves carícias. Meu braço te envolvendo. Seu corpo arrepiado. Você sorrindo. Deixando a música preencher teu corpo. Se entregando a batida. Sem pensar. Apenas sentindo. Que tal aumentar o desafio? Uma segunda música. Só que agora com os dois dançando apenas com roupas íntimas. Passos leves conduzidos de forma a aproveitar a música e proporcionar leves carícias em você. Sua respiração mais forte. Quente. Da sua parte o rosto colado, a mão que em determinados momentos passei pelo meu peito nu. Corpo ainda mais em contato. Minha mão nas suas costas. Em outros momentos você mesma levando minha mão para segurar em tua cintura. Vontade evidente, embalada pela música. Paramos por aqui? Não, ainda quero uma terceira música, mas agora totalmente nus. A música um pouco mais alta, mas em tom agradável. Passos agora sempre perto. Corpos bem colados. Luz baixa. Estimulando sensações e sentimentos. Excitação mútua e desejo aumentando a cada segundo. Movimentos suaves, mas com malícia. Entregues a dança. Entregues um ao outro. E a pergunta. Será que conseguimos terminar esta terceira música?

Nenhum comentário:

Postagens populares