quinta-feira, 31 de julho de 2014

Nudez

Quero sua nudez.

Primeiro quero que tire este sobretudo que impede a visão de qualquer parte do corpo. Em seguida continue até ficar só de lingerie.

Neste ponto quero que repare em seu corpo. Que você se olhe no espelho. Sem pressa, quero que fique completamente nua.

Note seu corpo. Perceba suas qualidades. Quero que seja nua e se valorize. Sinta-se desejável, sinta-se gostosa.

Repare em seus defeitos, tenha consciência deles. Se quiser mudar algo, mude. Não porque alguém quer. Não para agradar alguém. Mas que seja para agradar a pessoa mais interessada em seu corpo. Você mesma.

Em sua nudez perceba que não é perfeita. Que esta imperfeição é capaz de agradar, de conquistar, de despertar desejos.

Aceite seu corpo. Aceite seus defeitos e valorize suas qualidades.

Feito isto, preciso que você fique nua por completo. Sim, eu sei que neste ponto não existe nenhuma peça de roupa presente.

Só que quero que neste ponto você tire suas máscaras. Sejam elas de qualquer tipo. Não precisa parecer forte e insensível. Não precisa passar uma imagem de mulher sexy e provocante. Não precisa passar imagem de frágil e delicada.

Permita-se olhar no espelho e reconhecer você. Em sua essência mais pura e sincera.

Depois de tanto tempo, veja quem você é por dentro e por fora. E guarde esta percepção para sempre.

Podem te julgar, podem te analisar. Mas apenas você sabe como é por completo. E deixe apenas quem merecer conhecer você em sua totalidade.


Nenhum comentário:

Postagens populares