quarta-feira, 7 de agosto de 2013

O que eu quero

Não é a dança perfeita que vai me conquistar, mas sim uma dança com entrega, sem receios que pode até contemplar pequenos pisões com direitos a sorrisos de minha parte, ignorando este pequeno detalhe. Dançando como se a pista fosse só nossa.

Não é você toda produzida e maquiada que vai ser a diferença para mim. Quero ter o contato da sua beleza natural, logo ao acordar, sem máscaras, sem "ilusões". Poder olhar e te admirar como você é. Pela forma como eu te vejo, sem me importar como os outros te enxergam, analisam ou até julgam.

Não vai ser com uma roupa de grife que vou ficar sem tirar os olhos de ti. Quero você descolada, usando uma camiseta minha e uma calça de moleton, com você "largada", bem a vontade.

Não será o sexo selvagem e intenso ou carregado de romantismo que vai me conquistar, mas sim a sensação de tranquilidade ao dormir juntos, abraçados e agarrados, sem querer desgrudar um do outro por um segundo que seja.

Quero coisas pequenas e marcantes, que eu saiba que são exclusivas para mim, ou melhor dizendo, que sejam atitudes que sejam nossas. Sem comparação com passado , presente ou futuro.

Quero sentir meu coração bater de forma mais lenta e até "triste" na medida que você se afasta de mim, na medida que a saudade aumenta. Quero ele tendo batidas acelerando na proporção que você se aproxima de mim.

Quero ser único. Quero que seja única. Quero que sejamos um só......

Nenhum comentário:

Postagens populares