sábado, 31 de outubro de 2009

Pai

Respeito não se dá. É algo que precisa ser conquistado e principalmente mantido. Carrego o sobrenome "Souza" com muito orgulho. Somos ensinados desde pequenos a respeitar nossos pais, mas tenho uma relação com meu pai que é algo no nível muito acima de outras relações que tenho. Tenho um carinho muito grande por muitas pessoas da minha familia.

Alguém que nunca encostou a mão em mim para me repreender, mas alguém cujo olhar de desaprovação machucou na alma. Alguém cujo sorriso de felicidade valeu mais do que mil palavras. Uma pessoa que pode dizer apenas duas, três palavras e fazer com que elas tenham o impacto de um enciclopédia.

Alguém que infelizmente decepcionei muitas vezes. Alguém que sempre me valorizou, sempre apostou em mim, sempre acreditou no meu potencial.

Uma pessoa para a qual não tenho segredos. Sabe tudo da minha vida. Alguém que faço questão de compartilhar tudo de bom que acontece. O homem que eu sou, a pessoa que me tornei, se deve muito em relação a isso.

Alguém que eu nunca vou poder agradecer o suficiente pelo que ele significa para mim, pelo que ele faz por mim.

Alguém que amo de forma incondicional e que sempre estará comigo , em pensamento, no meu coração, na alma

Obrigado por estar presente, obrigado por acreditar em mim, por ser meu amigo, companheiro, confidente mesmo eu tendo pisado tantas vezes na bola, mesmo tendo dado tantos motivos para você não apostar em mim.

Pai, te amo. Nunca esqueça disso.

Nenhum comentário:

Postagens populares