quarta-feira, 15 de junho de 2011

Confuso.


Confuso, a primeira coisa que passa pela minha cabeça. O ano chegou à metade. Muitas mudanças ocorreram, algumas simples, outras nem tanto.

E o futuro promete mais mudanças.  A sensação é estranha, difícil. Complicado demais ser uma pessoa de carne e osso e muitos sentimentos.

Uma proposta apareceu recentemente para mim. Algo que se eu aceitar viraria minha cabeça do avesso. 
Teria que recomeçar do zero. Literalmente.

Só que as dúvidas são varias e só aumentam. Diariamente.

O medo de fazer algo que possa cobrar um preço alto na frente. A vontade de mudar minha vida. O receio de estar fazendo isto pelos motivos errados.

O fato de estar sozinho só complica mais esta situação. A vantagem de não precisar pensar em outra pessoa. 
Em deixar uma namorada, esposa ou filhos. Mas em compensação o peso de saber que a decisão é minha. 

Por mais que possa me aconselhar com família e amigos é diferente de conversar e decidir isto com alguém que se tenha um relacionamento amoroso.

A cada dia que passa as variáveis mudam. E as decisões mudam com a mesma rapidez. Estou tentando  “armar-me” com o máximo de informações, mas será algo indefinido. Decidir em cima de algo que não é “palpável”. Algo que terei que encarar e lidar. Sozinho.....

Nenhum comentário:

Postagens populares